20180723 – Tônica da Semana: SINAL AMARELO?

A Tônica

Semana passada chamei atenção ao fato que dias 18/06 e 25/06 comentei que bolsa estava barata e que havia prêmio para quem tivesse disposição a correr o risco…de lá pra cá bolsa subiu 11%….não digam que não avisei.

Agora surgem as notícias para justificar…tudo faz sentido…é sempre assim:

  • Alckmin consegue apoio do centrão, sai fortalecido e muitos chegam a aventar a possibilidade de um Alckmin x Bolsonaro no segundo turno…bolsa sobe na especulação.
  • Trump reclama dos juros no EUA e mercado bate na treasury e dólar (gráfico abaixo de 15 minutos … bem curto prazo pra mostrar a batida)…bom para commodities e emergentes.

  • Surgem notícias de que é hora de investir em mercados emergentes vide o link com uma matéria no bloomberg: matéria completa

 

AGORA COMEÇO A ME PREOCUPAR! RS

Meu foco enquanto investidor é longo prazo…mas como a coluna aqui é semanal gostaria de registrar que pensando nas próximas semanas começo a me preocupar….acho até que pode ir mais um pouco, mas mercado recuperou bem já e cautela começa a se fazer necessária.

É sempre assim, depois que sobe chovem matérias dizendo que mercados emergentes são a bola da vez, que as empresas estão baratas, que o cenário é positivo…e daqui a pouco aparecem aqueles “traders” que ganharam uma porrada de grana milagrosamente. Comentei exatamente a mesma a coisa dia 11/06…chamando atenção em que em 23/04 com bolsa em 85 mil pontos as matérias eram na linha do “buy Brazil no matter what”

Ibov x Emergentes x Commodities. O que me chama atenção é que nossa performance relativa (linha verde) foi forte no curto prazo quando comparamos com a média dos emergentes (linha preta) e as commodities (linha vermelha). Para continuarmos a subir, A MEU VER, as commodities tem que dar uma força, ou o cenário político ir se materializando muito mais positivo do que de fato é.

Semana passada postei o gráfico das commodities agrícolas que caíram bem…os metais também não vem ajudando muito:

Sobre os 3 pontos positivos comentados acima minha opinião é a seguinte: 

  • Penso ser MTO difícil a esquerda não colocar um candidato no segundo turno…alckmin com o centrão representa a política que todos estamos cansados…e historicamente a esquerda sempre teve um candidato ao menos no segundo turno, quando não venceu as eleições no Brasil.
  • Trump fala muito…já já mercado se dá conta que lá existe independência do FED.
  • E mercados emergentes estavam e seguem baratos…é tudo uma questão de querer ou não tomar o risco. O gráfico abaixo mostra que sempre somos descontados ante os mercados desenvolvidos…e que sim, de fato o desconto ficou absurdamente grande que motivou algumas compras…mas até quando?

Não me entenda mal, não estou negativo de uma hora para outra…só acho que tem que ter pé no chão e não se deixar levar por notícias de jornal. Como disse lá em cima meu approach é de longo prazo e vou seguir posicionado como tenho feito na minha Carteira Will.

No mais sigo achando o ouro um hedge em dólar que deveria ser considerado (abaixo gráfico semanal)…

Resumindo: mais de um mês atrás chamei atenção que mercado estava barato e que havia prêmio para os mais corajosos. Esse prêmio em geral, na média diminuiu…pontualmente ainda há coisas bem interessantes (stock picking especialmente para middle ou small caps), mas numa perspectiva de curto prazo vejo a situação política longe de estar bem resolvida, o desarranjo macro que persiste…se não houver ajuda boa das commodities é melhor segurar a onda no otimismo…. 

 

Era isso.

Aquele Abs.

6 comments

Leave a Reply