20181203 – Tônica da Semana: PAPAI NOEL CHEGANDO MAIS CEDO?

A Tônica

Antes de mais nada deixe me deixar claro que acredito em Jesus Cristo e não em Papai Noel, então parafraseando o nosso querido cabo Daciolo: Gloriaxx a Deuxx!! 

Mas por que Will?

Porque tivemos 3 boas notícias…as quais, a meu ver, podem dar a tônica de uma semana deveras positiva! Papai Noel pode estar chegando mais cedo galera!

Vale lembrar: sou viesado porque estou comprado, então minha capacidade analítica pode ser diretamente afetada pelo meu desejo de que certo cenário se materialize.

 

1) TRÉGUA NA GUERRA COMERCIAL? 

Aparentemente Mr. Trump conseguiu mais um bom deal para os EUA na questão com a China.

donald trump GIF

O presidente Donald Trump e o presidente da China, Xi Jinping, concordaram em suspender as tarifas adicionais sobre os seus produtos por 90 dias. Do Investing.com

Trump vai deixar tarifas de US$ 200 bilhões em importações chinesas em 10% no início do ano que vem, concordando em não aumentá-las para 25% “neste momento”, informou a Casa Branca em comunicado.

Porque é bom para o mercado: independente de quem ganha ou perde o fato é que a guerra comercial vinha colocando pressão sobre as expectativas de crescimento mundial e isso vinha trazendo um tom negativo para o mercado em geral. Ao se chegar a uma aparente solução ou mesmo uma trégua, temos um evento novo, disruptivo no curto prazo que entendo eu ser muito positivo para o mercado de rendia variável no mundo.

Se não acredita em mim, acredite em analistas que dão entrevista para Bloomberg…rs

“The thaw in US-China trade tensions should give risk appetite a short term boost,” Westpac analysts including David Goodman wrote in a note

Dólar australiano que é visto como uma proxy de risco dado a exposição da economia australiana as commodities, abriu subindo bem na madrugada:

 

2) PETRÓLEO…SOMOS TODOS TORCEDORES?  

Como vocês sabem eu comprei o USO que é um ETF negociado nos EUA que investe em petróleo para me expor a commoditie por achar a risco retorno interessante. Estou perdendo 16% como comentei na Carteira Will.

Tranquilo…faz parte.

A notícia que circulou pela mídia nos últimos dias, incluindo o final de semana foi a de que a OPEP chegaria a um acordo para cortar produção. E no G20 0 acordo entre eles foi mantido…então temos porta aberta para o anúncio de cortes de produção dia 06/12 (essa semana).

“There is no final decision on volumes, but together with Saudi Arabia we will do it,” Putin told reporters about extending the agreement in Buenos Aires.

Então a torcida agora é para um corte viril! Algo acima dos 1,3 milhões de barris.

Fato é que conforme já tinha comentado aqui muitos produtores de shale gas americanos e mesmo de petróleo tem dificuldade de operar com um petróleo abaixo de US$ 50/barril…logo esse preço poderia funcionar como piso. Aqui o gráfico:

E pra quem quiser ler mais a respeito sugiro essa matéria aqui:

https://www.cnn.com/2018/12/02/investing/stocks-week-ahead-oil-opec/index.html

Além disso, penso que tem outro fator que está jogando a favor….gosto de citar aqui a Treasuries…comentei há 2 semanas atrás comparando as previsões de alta dela com aquela música do PO Box “Papo de Jacaré”, quem lembra?! Clica aqui se não lembra. Anyway o fato é que juros americanos para baixo enfraquece o dólar e fortalece commodities também! Então olha que lindo:

Então estamos todos aqui na torcida: “OPEP ajuda nóis!”

allianz parque GIF by SE Palmeiras

 

3) CONFIANÇA E OS “LEADING INDICATORS”  

Lembram que falei semana passada em confiança? Até postei um gráfico onde fica evidente a forte correlação entre a confiança da indústria e o desempenho da bolsa. Quem não lembra clica aqui. 

Pois bem, a bateria de indicadores de confiança dessa semana que passou, denotam ou indicam algo positivo. Indicadores de confiança são aquilo que no mercado chamamos de “leading indicators”... são indicadores pontuais, mas que ajudam a medir a atividade ou o apetite da atividade empresarial e que fornecem tendências da economia de maneira bem confiável. Vou dar alguns exemplos:

  • permissões de construções de novas casas…dados de projetos de construção são úteis.
  • pedidos de auxílio desemprego…se menos pessoas estão pedindo pode ser um sinal de melhora da empregabilidade
  • quantidade de horas trabalhada na industria…tipo se a fábrica abre um 3º turno por exemplo, certamente a atividade esta forte.
  • nível de estoques das industrias.
  • nível de crédito das famílias e empresas.
  • PMI também dá um bom insight…ta explicado aqui na buggpedia: o que é o PMI

Voltando a confiança o que tivemos….

Primeiro e o mais importante, é a confiança do consumidor…se ele está confiante, temos um indicativo de demanda que puxam produção para estoques e isso é dinamismo para economia.

E também importante a expectativa do comércio que também recuperou bem no último dado atingindo o maior valor desde março de 2014.

E para movimentar o emprego, é importante que a confiança do setor de serviços e da construção estejam bem, pois são 2 setores que empregam muita gente…ao que parece, podemos ter uma melhora dos indicadores de emprego em breve…dá uma olhada:

O Índice de Confiança de Serviços (ICS) subiu 5,1 pontos em novembro, ao passar de 88,3 para 93,4 pontos, maior nível histórico desde abril de 2014 (95,9 pontos).

O Índice de Confiança da Construção (ICST), da Fundação Getulio Vargas, subiu 2,9 pontos em novembro. Após três altas consecutivas, o índice atingiu 84,7 pontos, maior nível desde janeiro de 2015 (85,4 pontos)

SEÇÃO BÔNUS

4) DEZEMBRO É MÊS DE ALTA?

Pra acabar, aqui vai mais uma pílula de otimismo.

Pra quem não sabe, a estatística do desempenho da bolsa no mês de dezembro é amplamente favorável….tudo bem que janeiro normalmente costuma ser um mês ruim, mas isso deixamos pra mais tarde. Por ora, dá para esperar/acreditar num mês com Papai Noel hein. De 94 pra cá tivemos:

  • 16 meses de dezembro de alta;
  • 8 meses de dezembro de baixa;

Dá uma olhada no gráfico:

Acho que esse só não é um melhor preditor que a capa da Exame, a qual funciona como um bom indicador reverso…kkk.

 

Era isso.

Aquele abs!

5 comments

Leave a Reply