20190429 – Tônica da Semana: BRASILEIRÃO DO MERCADO

A Tônica
BRASIL E PERCEPÇÕES… 

Estou de volta ao UK depois de 10 dias muito intensos no Brasil. Apresentar minha filha linda para uma família gigante como a minha toma tempo, mas é sempre muito gratificante.

Uma lástima apenas o sentimento de que minha querida cidade Porto Alegre parece um pouco parada no tempo … e num tempo onde o mundo VOA! Não sei se foi apenas percepção minha, mas sei lá, senti isso. Outra observação é de que muita gente ainda pensa em sair fora do país…uma pena realmente.

 

BRASILEIRÃO DO MERCADO… 

Recomeça o nosso querido Brasileirão!! Um começo nada bom, com o meu Grêmio perdendo em casa! #notgood #nothappy

Estava revisando algumas coisas e fiz esse gráfico. Ele me lembrou aquele quadro dos cavalinhos do Fantástico onde os piores times ficam para trás e o cavalinho aparece cansado e triste.

Sinceramente continuo achando que temos “time” para muito mais…para brigar por título…para estar nas cabeças (falo tanto do Grêmio quanto do Ibovespa…rs). Mas falta engrenar uma sequência boa de vitórias…algo que ainda não vimos. Vivemos uma dicotomia de sentimentos, bem ao estilo futebolístico do amo e odeio ao mesmo tempo.

Enquanto o mundo respira o bom ar de um crescimento econômico, juros baixos, nada de guerra de grande porte, petróleo se recuperando…. nós aqui seguimos a espera da materialização das expectativas de antes da partida…daquele discurso inflado do vestiário.

Como reflexo disso temos a bolsa e o humor dos investidores oscilando tal qual o gráfico abaixo:

Quando chegamos “mais para cima” nos damos conta que não tem nada resolvido…mas também, quando vem lá embaixo, lembramos que esse time tem potencial.

Como comentei na semana passada, precisamos de uma vitória sobre o principal rival para que a torcida se anime e venha apoiar seu time. Ou seja, precisa-se aprovar a reforma da previdência para que o mercado passe a acreditar em todas outras mudanças que esse novo governo prometeu na época da apresentação…na hora de beijar a camiseta! Semana passada postei essa tabela que resume o que penso sobre a realidade atual dessa reforma. Teto para bolsa me parece esses 100k e reflete esse mix de probabilidades e cenários.

 

GOL E LUCRO NÃO FAZEM MAL A NINGUÉM

A questão é que sem gol e sem vitórias o time não se sustenta! Isso parece óbvio e trivial porque entendemos de futebol não é? Mas na economia e em se tratando de empresas a lógica também é trivial. Empresas tem que dar lucro, tem que ter bons resultados para que suas ações subam! Comentei EXAUSTIVAMENTE isso no post: AÇÕES E A REGRA DE OURO

Veja essa semana que passou…

Muita gente fala dos valuations esticados nos EUA…de que a bolsa subiu demais por lá, etc. Mas na divulgação de resultados trimestrais as empresas de tecnologia deram show batendo as estimativas do mercado!

E as ações do setor não param de subir! Simples assim! O gráfico abaixo é do Vanguard Information Technology Index Fund (VGT) que agrega diversas empresas do setor de tecnologia.

Até agora 215 empresas do S&P já divulgaram seus números, sendo que 79% delas bateu as estimativas de lucros e 62% as expectativas de receitas! (@EarningsScout)

Já no Brasil vemos boas empresas…empresas tradicionais e gigantes tendo dificuldades. Aqui no Bugg comentamos os resultados de CIELO e GRENDENE…desastrosos! Não por acaso suas ações sofrem. Obviamente que existem diversas outras que estão indo muito bem sim. Mas no agregado a economia brasileira tem dados sinais muito ruins…não por acaso as revisões de projeção de creacimento estão aí para todos verem…olha a trajetória que vemos no Focus…parece piada mas estimam 1,71% de crescimento! E será que esse crescimento não é um tremendo 171?!?!

Economists make sharp cut to growth forecasts for this year

 

E COMO FICA A CONFIANÇA DA TORCIDA? 

O complicado é que grande parte das torcidas se movimentam com vitórias…os torcedores fiéis me parecem a exceção…veja o caso do Botafogo por exemplo, sua torcida hoje é pequena, reflexo da falta de títulos a meu ver…a regra é o cara que vai no estádio quando a maré esta boa…tipo torcedor do Flamengo.

No mercado e economia a falta de definição quanto aos temas centrais da economia afetou diretamente os dados de confiança divulgados essa semana. A confiança do consumidor caiu pelo terceiro mês consecutivo.

“A queda na confiança dos consumidores está relacionada à decepção com a lenta recuperação econômica e a manutenção de níveis elevados de incerteza. Em abril, houve relativa estabilidade do Índice da Situação Atual e queda forte do Índice de Expectativas…”, afirma Viviane Seda Bittencourt, Coordenadora das Sondagens

No Comércio a leitura é muito semelhante:

“Apesar da estabilidade da confiança em abril, o resultado da Sondagem do Comércio sugere que os empresários do Comércio continuam revendo suas expectativas para o ano. A queda adicional do Índice de Expectativas para um nível próximo aos 100 pontos indica que o setor trocou a postura otimista do início do ano por uma mais cautelosa em relação aos próximos meses.”  avalia Rodolpho Tobler, Coordenador da Sondagem do Comércio da FGV IBRE.

Na Construção igualmente ruim:

“A percepção dominante entre os empresários é de que a atividade se mantém no mesmo patamar de um ano atrás. O pessimismo com os negócios está aumentando. Enfim, a sondagem de abril reforça a percepção de que o setor não está conseguindo deslanchar como se esperava…”, avaliou Ana Maria Castelo, Coordenadora de Projetos da Construção da FGV IBRE.

Economia brasileira se assemelha aquele time que gastou uma nota preta na contratação…pré-temporada lotada de jornalista…torcedor animado comprando camiseta nova…etc. Mas na hora do jogo está faltando entrosamento, espírito de equipe, atenção, raça!

#QUEREMOSRAÇA #CADEMINHAREFORMA?? 

 

PARA ESSA SEMANA

Acho muito bom o resumo que o Investing.com faz sobre os principais eventos da semana…então apenas replico aqui, para quem quiser ficar bem informado sobre o que lhe reserva a semana:

Calendário Econômico – 5 principais eventos desta semana

 

PRA ACABAR 

Momentos como esse nos mostram o poder da diversificação e internacionalização de investimentos. Existe um mundo de oportunidades la fora e não precisamos ficar restritos ao Brasil. 

Fora isso sigo achando que a reforma passa…até setembro, mas passa. Penso que teremos uma economia de mais de R$ 600 BI e menos de R$ 1 Tri. Então, obedecendo a minha tabelinha lá de cima, vejo upside para ações brasileiras. 

Li essa matéria e coincidência ou não a Economista-chefe do JP Morgan tem a mesma visão…

“Markets have no doubts about the quality of the economic team and its agenda,” Fernandez said. “The biggest doubt has always been about the government’s political ability to implement that agenda. (Cassiana Fernandez, JPMorgan Chase & Co.’s chief Brazil economist).

She expects the overhaul to be approved in the last quarter of the year, with the first floor vote in the lower house at the end of the third quarter. Negotiations with lawmakers will likely cut the planned savings in half, she said, adding up to around 700 billion reais once the impact of the reform in states and municipalities is factored in.

Fonte: matéria da Bloomberg

Brasileirão é um campeonato longo… cansativo…mas também cheio de emoção…se parece muito o mercado de ações. Da mesma forma que não perder pontos é fundamental no futebol, na bolsa a regra número 1 de qualquer investidor deve ser: não perder dinheiro! Por isso se movimentar muito (muito trading) nessas horas, pode ser perigoso…penso que a melhor estratégia é ter paciência e seguir pedindo raça! 

DALE DALE REFORMA DA PREVIDÊNCIA! 

Grêmio GIF

 

Era isso.

Aquele Abs.

Twitter: @willcastroalves / Youtube: Willcastroalves

Instagram: @willcastroalves / Facebook: William Castro Alves

8 comments

Leave a Reply