20190715 – Tônica da Semana: O SHOW TEM QUE CONTINUAR

A Tônica
Tempo de leitura: 8 min

Bom dia a todos e bem vindo aos novos leitores.

Aqui nessa tônica você não vai encontrar os fatos que vão mexer com a semana, ou a agenda econômica ou nem mesmo o noticiário da semana passada…para isso existem vários noticiosos por aí…aqui você vai encontrar opinião sincera, exposição de ideais que eventualmente fazem sentido..rs.

Então vamos lá…

 

O SHOW TEM QUE CONTINUAR

Semana passada terminei com um alerta dizendo que No curto prazo, a assimetria de riscos já não é tão favorável assim!”

Encerramos a semana com queda de 0,2%. Não é nada….a menos que consideremos que o evento mais importante do ano tomou forma nessa semana!

A resposta para isso o Fundo de quintal, ou o Revelação nos ensinam…

O show tem que continuar
Lalaiá, lalaia, laiá
Lalaiá, lalaiá, laiá

A verdade é que o choro da previdência já não toca o nosso bandolin do mercado. 

Afrouxaram-se as cordas … E assim desafina os destaques que diminuem a economia da reforma da previdência e nos lembram que teremos muitas batalhas pela frente …. E pobre das rimas da nossa canção!

A leitura agora me parece simples: o show tem que continuar!!

O leitor me permita novamente fazer menção novamente a semana passada… mas comentei o seguinte:

Para que o IBOV siga para cima é importante (em minha opinião) resolver várias outras questões…temos ao menos 5 pontos emergentes: 

  1. Uma reforma tributária que torne o sistema mais simples e onere menos o produtor;
  2. Um sistema político que reduza a necessidade de corrupção para máquina funcionar;
  3. Redução do número de empresas estatais e abertura para o investimento privado;
  4. Redução dos custos de energia;
  5. Obras de infra que auxiliem nessa retomada de crescimento de longo prazo.

Então agora é bola para frente pois o o show tem que continuar!!

 

VAMOS ACHAR O TOM?

Mas acredito muito que:

Mas iremos achar o tom
Um acorde com um lindo som
E fazer com que fique bom
Outra vez, o nosso cantar

Equipe econômica tem em mente os pontos endereçados acima! Então basta agora “apenas” ganhar essas batalhas no Congresso!! Leva tempo (é devagar, é devagar , é devagar é devagarinho) …mas acredito que, assim como foi com a previdência iremos avançar!

Fora isso, veja que a situação externa tem nos ajudado. Mundo está calmo vide o índice de volatilidade (VIX) nas mínimas do ano:

E as Commodities (DJCI) que são tão importantes para nós vem se recuperando bem… o caso mais emblemático é o do minério de ferro que além de estar nas máximas segue com boas perspectivas dado que os estoques na China estão em níveis baixos e a produção das siderúrgicas chinesas nas máximas – mais sobre isso aqui nesse link. E para quem não se ligou o petróleo retornou aos US$ 60/barril.

E junto a isso vivemos um mundo de juros negativos…cada vez mais títulos sendo negociados a juros negativos pelo mundo – vide gráfico abaixo.

O que isso quer dizer?

Dinheiro está barato, fácil, acessível … tem tanto dinheiro que muitos aceitam “estacionar” seus recursos em títulos que não rendem nada ou ainda negativos. Por que isso é bom para emergentes? Porque esse excesso de liquidez empurram mais e mais investidores/insitituições para o investimento em ativos de risco, em mercados de risco, tal qual o Brasil!

 

OLHA NÓS OUTRA VEZ NO AR

Se você não acredite em mim, não tem problema, acredite em administradores de grandes fundos e grandes gestoras globais … aqueles que gerenciam Bilhões pelo mundo afora.

E a gente vai ser feliz
Olha nós outra vez no ar
O show tem que continuar

A bloomberg conduziu recentemente uma pesquisa com 42 gestores, e estrategistas globais, perguntando qual era a visão deles para as difrentes classes de ativos nos mercados emergentes. A maioria se mostra otimista com os mercados emergentes seja para o investimento em moedas, bonds (títulos de dívida) ou ações.

 

E o Brasil aparece em boas posições…destaque para o mercado de ações que só fica atrás da China em atratividade.

 

 

Teve mais reportagem falando a respeito…segue o link para essa aí debaixo da Forbes: Link para reportagem. 

Comentário da reportagem:

Compared to the rest of the emerging world, Bolsonaro’s Brazil is a bright spot. “We have turned negative on most emerging market equities because markets are pricing in too much Chinese stimulus,” says Tony DeSpirito, director of investments for BlackRock. “We see selected opportunities in Latin American markets,” he says, naming Brazil and Mexico.

Nós iremos até Paris
Arrasar no Olímpia
O show tem que continuar

 

MAS E SE O SHOW PERDE A RAZÃO? 

Se acabou o gás
Pra cantar o mais simples Se a gente nota
Que uma só nota
Já nos esgota
O show perde a razão

Sim, me preocupa o consenso otimista! Mas eu lhe pergunto:

Qual o motivo para vermos uma forte desvalorização das ações da bolsa brasileira?  

Confesso que fora uma mudança significativa no cenário externo, não vejo motivo! Nesse sentido, assusta quando vemos um gráfico desse que mostra que a probabilidade de uma recessão nos EUA nos próximos 12 meses está em níveis altos (33%).

 

Mas lembro que esse é apenas um modelo…não quer dizer que vai acontecer….vou usar como exemplo esse gráfico aí debaixo.

No início do ano o Wall Street Journal fez uma pesquisa com diversos economistas sobre o que esperavam para os juros americanos nesse ano. NENHUM acertou! NENHUM! Tal qual vemos no Brasil também!

 

 

Como sugestão diria que você deve ter parte do patrimônio dolarizado…investido em ativos dolarizados…eu faço isso e por isso estou aqui dando a minha opinião! Em caso de uma grave crise o dólar tende a ser uma boa reserva de valor, tal qual foi em 2008…comento isso nesse post.

Fora isso, no relativo a forte performance da moeda brasileira no curto prazo ante o dólar comparativamente as demais moedas no mundo, talvez tenha aberto um ponto de entrada interessante! Dólar me parece começar a ficar barato.

 

PRA ACABAR 

Não se deixe levar por projeções macroeconômicas…também não se deixe levar pela euforia do mercado e das manchetes! Pode ser que a bolsa realize essa semana….ou não …. quem sabe?!

Procure saber das empresas em que você investe seus recursos…as empresas as quais você se tornou sócio quando comprou suas ações…isso é o que importa! Olhando o Ibov tem coisas que acho caras….olhando o S&P500 dá no mesmo…mas tanto lá quanto aqui penso que ainda existem boas opções de investimento…então:

O show tem que continuar
Lalaiá, lalaia, laiá
Lalaiá, lalaiá, laiá
Nosso amor vai continuar

 

Era isso.

Aquele Abs.

Twitter: @willcastroalves / Youtube: Willcastroalves/

Linkedin: William Castro Alves

Instagram: @willcastroalves / Facebook: William Castro Alves

Leave a Reply