QUE TAL UMA PROTEÇÃO DE R$ 2 MILHÕES AO INVESTIDOR?

Lá Fora
Tempo de leitura: 9 min

Você que abriu esse post e está começando a ler essas primeiras palavras, saiba que eu te entendo e que vivi na pele os receios de atravessar o oceano e buscar investimentos em outros lugares que fossem a nossa louca, mas conhecida por nós, “Ilha Brasilis”!

Não é fácil. Você ouve muita coisa sobre dinheiro que some, empresa que quebrou, empresa sediada em paraísos fiscais que te soam muito estranho…pelo menos a mim me soava.

Então eu fui pesquisar, aprender, buscar conhecimento…divido aqui com vocês com intuito de ajudar você nessa travessia e te mostrar que existem bons investimentos e segurança além das fronteiras do Brasil.

O que vou comentar aqui, a meu ver, é um BAITA diferencial do investimento nos EUA! Algo que TODOS deveriam saber e que mudaria MUITO a mentalidade de qualquer investidor frente ao investimento nos EUA. Vem comigo que te explico sobre essa SUPER proteção de mais de R$ 2 milhões pra quem investe nos EUA. 

Sad America GIF by GIPHY Studios Originals

 

O FGC GANHOU FAMA…

Nos últimos anos, assistimos no Brasil o crescimento da busca por novas formas de investimento e com ela a difusão de mais e mais conteúdo sobre o tema. Ao sair de investimentos considerados super seguros tal qual a poupança, é normal que surja o interesse pela proteção dos investimentos. Com isso o Fundo Garantidor de Créditos (FGC) acabou ganhando fama nos últimos anos. Influencers, instituições, bancos, amigos do churrasco, etc… mais e mais pessoas passaram a comentar dessa importante ferramenta de proteção ao pequeno investidor. O FGC é muito bom não é mesmo?! Se você não sabe o que é, deixo aqui uma breve descrição baseado no wikipedia:

O FGC é uma associação civil sem fins lucrativos, que administra um mecanismo de proteção aos correntistas, poupadores e investidores, permitindo recuperar, até R$250 mil em depósitos ou créditos mantidos em instituição financeira, em caso de sua falência ou liquidação. O FGC garante aplicações em Letra de Crédito Imobiliário (LCI), Letra de Crédito de Agronegócio (LCA), CRI, CRA, Certificado de Depósito Bancário (CDB), caderneta de poupança, Depósito a Prazo com Garantia Especial (DPGEs) e depósitos à vista em conta corrente.

Legal.

 

MAS E COMO É FORA DO BRASIL?

Ok. Estamos protegidos até certo ponto dentro do Brasil, mas e quando eu invisto fora?

Pense o seguinte: o movimento de internacionalização de investimentos já ocorreu em muitos países e com ele o avanço das questões regulatórias e de defesa do pequeno investidor….ou você acha que o Brasil é o lugar mais seguro do mundo para investir? Então é apenas uma questão de tempo e por isso você deve estar preparado!

Mas aí surgem aquelas preocupações: mas e se a corretora que estou usando quebrar?

Tenho-vos uma boa notícia. Na verdade, é um motivo adicional para você internacionalizar seus investimentos! Você tem uma espécie de FGC que é 8x maior que o brasileiro! Muito mais proteção para o seu patrimônio!

 
TENHO UMA PROTEÇÃO DE R$ 2 MILHÕES, É ISSO MESMO? 

Nos EUA existe o Securities Investor Protection Corporation (SIPC). Assim como o FGC, o SIPC é uma corporação sem fins lucrativos criada por um ato do Congresso para proteger os clientes das corretoras que entram em falência. O SIPC supervisiona liquidação de corretoras que falem, caem em problemas financeiros ou se os ativos de seus clientes desaparecem.

Então em outras palavras, o SIPC é um seguro que oferece aos clientes da corretora uma cobertura de até US$500 mil. Considerando o atual patamar de câmbio estamos falando de uma proteção de mais de R$ 2 milhões, 8x maior que a proteção que você tem no Brasil!

eu disse 8x maior!

Na verdade, o valor segurado das aplicações em caixa, ou seja, que não esteja comprado em algum ativo, é de até US$250 mil os outros US$ 250 mil se referem a valores mobiliários.

 

Alguns exemplos ajudam a entender:

  • Exemplo 1: investidor tinha US$250 mil em conta corrente (não investidos) e US$250 mil investidos em ações. Caso a corretora quebre, ele tem garantido o ressarcimento da totalidade dos seus investimentos através do SIPC.

 

  • Exemplo 2: investidor tinha US$500 mil investidos em valores mobiliários e a corretora quebrou. Nesse caso ele tem garantido o ressarcimento da totalidade dos seus investimentos através do SIPC.

 

  • Exemplo 3: investidor tinha US$500 mil não investidos e detidos em conta corrente. Nesse caso ele tem garantido o limite de US$250 mil de ressarcimento dos valores detidos em caixa. Nesse caso, por não estar investidos, ele teria uma perda de US$250 mil.

 

  • Exemplo 4: investidor tinha US$300 mil em conta corrente (não investidos) e US$400 mil investidos em ações. Caso a corretora quebre, ele tem garantido o ressarcimento de US$250 mil do dinheiro em caixa e outros US$250 mil de seus investimentos. Nesse caso ele teria uma perda de US$200 mil.

 

Entendido?

 

SE AINDA RESTAM ALGUMAS DÚVIDAS, VAMOS A ELAS…

E como funciona esse seguro?

Quando acontece um caso de liquidação, o SIPC pede a corte que julgou a liquidação que indique um Interventor Judicial (Trustee’s) para gerenciar os pagamentos e o retorno do dinheiro aos clientes. O interventor enviará formulários de solicitação a cada cliente da corretora liquidante, com base nos registros da corretora, e publicará um aviso da liquidação em seu website em www.sipc.org. O aviso também pode ser publicado em alguns jornais. Os clientes que receberem um formulário de reclamação deverão devolvê-lo ao interventor até o prazo final no formulário ou correr o risco de não recuperar seu dinheiro ou valores mobiliários. O agente fiduciário revisa os formulários dos clientes e determina quais dinheiros pagar e quais títulos devolver.

Foi o SIPC que garantiu os depósitos retidos pelo Lehman Brothers em 2009 por exemplo!

 

O brasileiro tem acesso a isso?

Sim, não importa a nacionalidade. Uma vez que você seja cliente de uma instituição membro do SIPC, você terá direito a essa proteção.

 

O SIPC é uma entidade do governo americano?

Não, ele é independente do governo americano. Os recursos desse fundo vêm de membros participantes e ficam aplicados em títulos do governo dos EUA. Atualmente o fundo conta com US$ 3,1 bilhão em recursos, além linhas de crédito de US$ 2,5 bilhões com o Tesouro dos EUA.

 

Como sei que a instituição que uso para investir é membra do SIPC?

Através do link abaixo você pode pesquisar se a instituição que você investe é membra do SIPC.

https://www.sipc.org/list-of-members/

Eu uso a Avenue Securities para operar…chequei e ela está lá!

 

O que o SIPC protege?

O SIPC protege até investimentos em ações, bonds (títulos de dívida), títulos do Tesouro americano, certificados de depósito, fundos de investimentos, ETFs, REITs , entre outros investimentos.

 

O que o SPIC não protege?

O SIPC não protege das flutuações normais do mercado de valores mobiliários.

O SIPC não protege clientes que operam vendidos em ações sem ter valor para saldar suas dívidas caso haja uma perda.

O SIPC não protege contratos futuros de commodities, moedas, ou direitos de subscrição.

O SIPC não protege reivindicações contra um corretor por maus conselhos de investimento ou por uma recomendação inadequada.

 

Mais informações você encontra aqui:

https://www.sipc.org/

 

E aí, gostaram? Mais confortáveis a investir no exterior? 

Por favor deixe seu feedback nos comentários e subscreve nossa newsletter pra receber conteúdo novinho toda semana! 

kit harington wink GIF by The Tonight Show Starring Jimmy Fallon

 

Era isso.

Aquele Abs.

Twitter: @willcastroalves / Youtube: Willcastroalves/

Linkedin: William Castro Alves

Instagram: @willcastroalves / Facebook: William Castro Alves

3 comments

  • Não entendi uma coisa. Se o dinheiro do investidor, qualquer que seja o valor, está investido em ações, porque ele perde esse valor com a falência da corretora? A corretora não é apenas uma intermediária? A participação dele na empresa não mudou nada.

  • Assisti sua palestra ‘Consumidor Global, Investidor Local’ no Game Changers, você poderia fazer um vídeo baseado nela. Gostaria de ver novamente.

Leave a Reply