20190729 – Tônica da Semana: ISSO AQUI TÁ BOM DEMAIS

Bolsas, Brasil, Empresas

Sequoia (SEQL3) – Uma exposição melhor ao ecommerce brasileiro?

10/01/2022

Morning Dive

Morning Dive: Desafios nos EUA, FED hawkish, Brasil melhorando, mas ainda estagnado!

10/01/2022

Geral

JBS (JBSS3) RESULTADO 3T21: Chegando ao ponto!

20/12/2021

Morning Dive

DROPS DE MERCADO: Inflação, FED, Brasil desacelerando e Taxas Subindo!

20/12/2021

Brasil, Lá Fora, Morning Dive

Drops de Mercado: US INDO E BZ VOLTANDO

13/12/2021

Bolsas, Brasil, Emergentes, Empresas

Profarma (PFRM3) 3T21 Resultado: Revisitando o case!

09/12/2021

12 comentarios

  • Excelente análise, o que muitos defendem e parece sensato, é que os US não entram em recessão, mas em desaceleração como vem ocorrendo com a China.

  • Meus parabéns, que baita análise. Eu penso o mesmo e esse refrão do Dominguinhos reflete bem o que pensamos.

  • Análise muito bem embasada e sensata. Obrigado, Will!

    Will, tenho uma dúvida… pelo que eu já venho lendo há algum tempo e também a julgar pelo caráter cícilico da economia, me parece muito inevitável que a tendência mundial vire em algum eventual momento, seja nos próximos 2, 5 ou 10 anos. Tenho apenas 23 anos de idade e acompanho o mercado há apenas 3 desses. Nunca vivenciei uma virada de tendência altista para uma recessão, tal como ocorreu em 2008, então tenho muito receio em não conseguir perceber os gatilhos a tempo. Pela sua experiência, quais são os principais sinais e como perceber o momento da virada?

    Também aceito literaturas sobre o assunto, se possível.

    Muito obrigado novamente! Abraços!

    • hehehe.
      Se eu soubesse seria mto fácil concorda? Qtos acertaram? Qtos previram a crise? Alguns caras de fato acertaram, tal qual o livro e filme Big short mostram (no caso de 2008). Mas mtos ficaram anos fora do mercado predizendo tal crise. Mtos hoje estão fora do mercado esperando uma crise que não vem. a Austrália vive a 27 sem recessão.
      Se tu quer minha opinião: não perde tempo tentando desvendar a próxima crise. Pegue um gráfico de 30 anos ao menos, do S&P e do IBOV e veja a valorização mesmo já considerando todas as crises.
      Peter Lynch diz: “mais dinheiro foi perdido tentando acertar a nova crise do que de fato nas crises”.
      Forte abs

  • Mais um belo texto Will!
    quanto aos falaciosos que ficam jogando pedras no SP500 esquecem que ele já sofreu as devidas correções em 2018 e uma forte este ano.
    Abs.

Deixe uma resposta