Bolsa Brasileira barata ou cara? (by Eliseu)

Bolsas, Brasil
Tempo de leitura: 6 min

Aqui quem vos escreve aqui é o Eliseu. Desde o início da minha jornada no mundo de investimentos procurei ler, estudar e buscar mais e mais conhecimento. Hoje, passados 15 anos, sigo aprendendo, mas posso garantir para vocês que o que mais me ajudou nessa caminhada, foi estudar o que os grandes mestres, os grandes nomes, grandes gestores de mercado fizeram e ensinaram. Por isso resolvi compartilhar com vocês aqui no Bugg, o que aprendi e venho aprendendo. Espero que os ajude, assim como esses ensinamentos têm me ajudado a ser um investidor melhor.

 

Nos últimos 3 anos o mercado de ações evoluiu bastante em termos de número de investidores saindo de 800 mil para 1,6 milhão apenas em 2019. Muitos desses investidores ainda não enfrentaram momentos de queda nos investimentos e com os fatos recentes referentes ao Corona Vírus, em que a Bolsa saiu dos 118 mil pontos para os 113 mil pontos, vem assustando alguns desses investidores. É até engraçado porque quando o mercado cai é que investidores começam a rever suas estratégias de investimento, mas o correto é que você faça isso ANTES de ingressar em um investimento, imaginando o que pode acontecer e prevendo o pior cenário para já estar preparado emocionalmente para o que possa acontecer, assim como ter um plano B, que pode ser, por exemplo, uma disponibilidade de valores em renda fixa ou multimercados, servindo como “munição” para momentos de queda nos investimentos em ações. Ter estratégia e seguí-la é fundamental antes de realizar investimentos em ações.

Um  dos exemplos que uso sobre as quedas é um comparativo com o investimento em imóveis. Se o investidor está interessado em um imóvel de R$ 1 milhão e o se o preço caísse para R$ 700 mil, obviamente ele ficaria ainda mais interessado. Já no mercado de ações, surpreendentemente, isso não ocorre. Se um investidor tem em sua carteira de investimentos, ativos avaliados em R$ 1 milhão e o valor cai para R$ 700 mil, muitos querem retirar seu dinheiro do investimento em ações. Isso é surpreendente e totalmente irracional, por isso friso que a estratégia de investir em ações deve ser pensada antes da realização do investimento.

Saibaque a cada ano, em média duas vezes por ano, o Ibovespa cai cerca de 8 a 10% do ponto mais alto atingido. Sendo assim, isso é normal, quedas são normais e cabe ao investidor maduro aproveitar-se desses momentos, agindo com controle emocional sobretudo.

 

Bolsa Brasileira barata ou cara?

Hoje a bolsa brasileira negocia a cerca de 17 vezes lucros anuais, onde a média é de cerca de 13 vezes. Cabe salientar que apesar de parecer mais cara atualmente, temos que colocar na conta a questão de queda de juros e que isso irá fazer com que o custo de dívida das empresas brasileiras torne-se mais barato. Falando sobre juros e custo de dívida, o Credit Default Swap (CDS) brasileiro está também nas mínimas. O CDS é um seguro contra não pagamento da dívida brasileira e isso mostra que provavelmente o mercado está esperando que o Investment Grade possa estar por vir. Isso traria uma enxurrada de dólares do exterior, eis que seria possível novamente o investimento por parte de fundos de pensão estrangeiros em ativos brasileiros.

Como um comparativo com a bolsa brasileira, podemos utilizar os juros brasileiros. Em 2001 os juros chegaram a surpreendentes 42% ao ano, o que daria um indicador Preço-Lucro de 2,38. Recentemente com juros de 4,5% o Preço-Lucro da renda fixa é de 22,22 aproximadamente, sem considerar os juros compostos. Com a queda dos juros, justifica-se em grande parte a elevação na negociação dos patamares da Bolsa Brasileira.

Acredito que a bolsa brasileira está negociando em patamares próximos ao justo, há ainda ativos descontados, porém o que ocorreu nos últimos anos de praticamente alguns comprarem ações sem uma análise mais criteriosa, está perto do fim, ao menos momentaneamente. Nos próximos dias teremos uma grande quantidade de empresas divulgando resultados e isso é um ponto importante, pois normalmente há surpresas positivas nos lucros e geração de caixa, que surpreendem o mercado como um todo positivamente e isso pode fazer com que as cotações subam. Ainda há oportunidades na bolsa como um todo ao meu ver.

De modo geral, ainda temos desemprego alto, crédito ainda a recuperar, capacidade ociosa da indústria, confiança recuperando-se, enfim dados antecedentes que podem nortear nossa decisão.

Para saber se a Bolsa está cara ou barata, fique atento aos seguintes indicadores:

 

 

Resumo
  • apesar das altas dos últimos três anos, ainda há ativos baratos na Bolsa Brasileira;
  • caberá ao investidor selecionar melhor ativos de qualidade, com maior alta, menor a margem de segurança ao investir;
  • tenha uma estratégia e a siga fielmente, antes de investir sempre, não depois;
  • acostume-se com a volatilidade, juros baixos vieram para ficar;
  • investimentos em ações normalmente precificam 6-8 meses a frente nas ações;
  • o melhor investimento sempre é aquele adequado ao seu perfil.

 

Era isso!!
Um grande abraço,
Eliseu Manica Júnior

Facebook: Eliseu Mânica Júnior
Instagram: @eliseumanicajr
Twitter: eliseumanicaj

Leave a Reply