CARTEIRA WILL – 20200406

Carteira do Will
Tempo de leitura: 4 min
1ª VEZ AQUI?

Primeiramente seja bem vindo!

Aqui você não vai encontrar nenhuma recomendação, promessa de lucros extraordinários, ou fórmula correta para ganhar dinheiro no mercado. Aqui você sempre vai encontrar a verdade e a realidade daquilo que faço com o meu dinheiro…meus erros e meus acertos. Meus 15 anos de mercado, tudo que estudei, vivi, vi, me formaram e ainda me formam, como um cara que pode compartilhar algo que talvez possa te ajudar.

Posto a minha Carteira Global, abro a minha parcela investida em ações; e a #Notbad é uma carteira teórica que criei mas me comprometi em colocar meu dinheiro nos ativos que nela constam. Quem tiver dúvida só me mandar um mail: william@bugg.com.br 

 

CARTEIRA

Mudanças frente a semana passada. Explico melhor na parte de ações, pois andei mudando algumas coisas…não fiquei pessimista do dia para noite, apenas remanejando a carteira de ações. Minha carteira:

12% em Caixa, os quais pretendo alocar em ações ainda essa semana.

18% alocados nos clubes de investimento da VGR segue assim. Ideia é reduzir para 15% e ter os 3% adicionais enviados para o exterior.

21% alocados no exterior. Quero ter mais…objetivo é 30% no mínimo. Sigo focando todo e qualquer aporte para o exterior, mesmo com o dólar alto. Minha ideia não é vender ações no Brasil agora para mandar para fora. Acredito que vou conseguir atingir esse objetivo apenas com os novos aportes. Sinceramente penso que TODO BRASILEIRO deveria ter pelo menos 30% lá fora…mas isso é só uma opinião. Mas que seja 10%! Pensem a respeito! Já disse que consigo 10 corretagens gratuitas na Avenue Securities para os leitores do Bugg. Minha A parcela do exterior segue se valorizando pelo simples fato do dólar se valorizar. Lá fora tenho posições que também caíram, mas essas altas do dólar ajudam a atenuar qualquer queda das ações quando consideramos o valor em Real.

 

 

AÇÕES 

Resetei minha carteira! Vendi todas psições no dia 31/03 e com isso realizei um prejuízo homérico! Qual o motivo?

Prejuízo a compensar? Esse prejuízo enorme (-30%, -40%, -60% em alguns ativos) que gerei com as vendas, poderá ser usado mais tarde para abater futuros lucros que venha a ter e pagar menos ou nenhum imposto. Isso é relevante para quem tem posições um pouco maiores que excedem o limite de R$ 20 mil de isenção de IR em vendas de ações. Não estou recomendando, apenas dizendo o que fiz. Vendi num dia e recomprei posições, inclusive no mesmo ativo, no dia seguinte. Corri o risco de que em 1 dia os papeis subisse e eu tivesse que comprar mais caro…mas não foi o caso. Além disso, fiz isso para poder realizar o remanejo de carteira seguindo as trocas postadas da Carteira #Notbad.

Carteira #Notbad. Conforme de praxe ela esta lá postada desde o dia 01 de Abril. Não tem sido fácil meus amigos…mas sigo buscando manter a consistência, coerência e compromisso com a verdade e aquilo que julgo fazer sentido. Post com o racional das trocas tá lá:

CARTEIRA #NOTBAD – ABRIL 2020

Não deu tempo. Faltou comprar uma posição, JBSS3. Dia primeiro o papel subia forte e optei por esperar…aí vida corrida que segue e acabei não comprando. Essa semana faço e completo a carteira.

Braskem. Confesso que joguei a toalha. Cenário para ela segue muito incerto. Tem muita coisa descontada, com valor e situações menos complexas. Uma pena, mas desisto. Sorry.

 

#NOTBAD

Todas atualizações, números, e tudo mais aqui no post:

CARTEIRA #NOTBAD – ABRIL 2020

 

Era isso.
Aquele Abs.

Twitter: @willcastroalves
Instagram: @willcastroalves
Linkedin: William Castro Alves

15 comments

Leave a Reply