20201119 – PODCAST BOM DIA USA: Mercados estão preocupados com restrições, Resultado Lowe`s, Target e Nvidia

Podcasts
Tempo de leitura: 13 min

 

E para quem gosta de ler, aí está a transcrição do podcast. Esse é um podcast destinado aos clientes da Avenue. O texto aqui é apenas uma transcrição e Tais comentários não devem ser visto como qualquer tipo de recomendação de investimentos. 

**ONTEM**

Vamos falar do fechamento de quarta! Os mercados encerraram outro dia em queda, depois que mais países começaram a aumentar suas restrições em relação ao aumento do número de casos do Covid-19. Nem mesmo as boas notícias das vacinas parecem ter animado o mercado. Vale ressaltar, que ontem, o prefeito de New York, Bill de Blasio, anunciou que as escolas públicas da cidade passariam para o ensino a distância, enquanto, a cidade tenta conter o aumento do número de casos.

 

 

  • Dow: -1,16%
  • S&P: -1,16%
  • Nasdaq: -0,82%
  • Setores: Ontem, destaque negativo para todos os setores: Petróleo XLE com queda de (-2,91%) e Biotechs XBI com queda de (-2,03%) e Utilities XLU com queda de (-1,97%).
  • Economia: Na quarta, a gente teve construção de novas casas, que veio em 1,53 milhões, melhor que o esperado que era de 1,46 milhões de novas casas. Porém, licenças de construções vieram ligeiramente abaixo do esperado, ficando em 1,45 milhões. Enquanto, o projetado era 1,56 milhões.
  • Dólar: No dia de ontem, o dólar encerrou o dia em leve alta, cotado a R$5,34 (+0,21%). No cenário externo, repercutiu o aumento de número de casos do Covid-19 em diversos países e as maiores restrições de alguns deles. No cenário interno, o que ajudou um pouco a conter o avanço da moeda norte americana, foi o fato do Banco Central do Brasil ter comentado que pretende aumentar seus “swaps cambiais”. https://rb.gy/d642bh

 

**HOJE**

  • Ásia: No continente asiático, as ações operaram em um misto, enquanto o mercado asiático tentava digerir as notícias das vacinas e dos aumentos de casos ao redor do mundo. O índice de Shangai subiu leve (+0,47%), enquanto no Japão, a Nikkei fechou com leve queda de (-0,36%).
  • Europa: Na Zona do Euro, as ações abrem em queda, com os investidores diminuindo seu otimismo em cima das notícias das vacinas e começando a ficar preocupados com as novas restrições de alguns países. A Euro Stoxx caia (-0,97%) as 7:30h da manhã no horário de Brasília. Enquanto o (índice francês) CAC 40 caia (-0,88%). Já a DAX (índice alemão) caia (-1,07%) e na Inglaterra a FTSE100 caia (-0,91%).
  • Futuros: Os principais índices futuros americanos amanheceram em outro dia de queda, com o futuro do S&P500 caindo leve (-0,34%) e o futuro do Dow Jones caindo leve (-0,39%), também as 7:30h da manhã de hoje.
  • Agenda: Hoje temos Pedidos de Seguro Desemprego, Relatório de empregos FED Filadélfia e Vendas de Casas Usadas nos Estados Unidos. Já do lado dos resultados, a gente tem a varejista Macy`s (M), a GAP (GPS) e a Workday (WDAY).

 

 

**DESTAQUES DE ATIVOS**

 LOWE`S (LOW)

Hoje continuamos as divulgações de resultados com algumas varejistas. Começando pela Lowe`s (LOW) que divulgou seus resultados ontem, referente ao seu terceiro trimestre de 2020, com uma perspectiva de lucro um pouco aquém das estimativas. Suas ações fecharam com queda de (-8,21%) no dia de ontem.

Ela reportou uma receita de $22,3 bilhões, batendo por pouco a estimativa, mas com uma alta de 28,2% em relação ao ano anterior. As vendas de mesmas lojas (SSS), que mede a eficiência de lojas já existentes, aumentaram mais de 30% no trimestre, incluindo o dobro de vendas no online (que cresceram 106% no trimestre).

O mercado parece ter ignorado completamente todas as essas melhoras e decidiu focar no depois. Em parte, pois o lucro da companhia ficou pressionado devido a maiores gastos trabalhistas e mais investimentos no comércio eletrônico dela. Os investidores começaram a se perguntar se pós a pandemia, a companhia continuaram crescendo e entregando bons resultados. Isso acontece, porque as próximas comparações serão em cima desses resultados bons de 2020 que algumas empresas reportaram, será que elas conseguirão bater esses resultados nos próximos anos? Essa é a reflexão pessoal.

De qualquer forma, a companhia entregou um lucro por ação de $1,98, enquanto o esperado pelos analistas era um lucro de $1,99 dólares. Por pouco ela não bate. Porém, pessoal, tem que tirar o chapéu para a empresa. Não foram todas as varejistas que se saíram bem na pandemia e estamos falando de uma companhia que vende produtos de decoração, é ferramentas, coisas para o jardim e etc. Não é nada eletrônico, entenderam?

Vale ressaltar que as vendas em todas as regiões que ela atua aumentaram em mais de 20%, enquanto os departamentos de merchandising aumentaram 15%. Para quem não conhece a Lowe`s, ela é uma varejista americana que vende produtos para casa e decoração no geral. Seus produtos vão desde ferramentas, iluminações, a tintas, acabamentos para banheiro e jardinagem.

Fundada em 1946 e com sede na Carolina do Norte. Ela emprega 320mil colaboradores e em 2019, entregou cerca de $72,1 bilhões em receitas anuais. Atualmente, o seu valor de mercado é de aproximadamente $111 bilhões. https://rb.gy/1radoz

TARGET (TGT)

Agora, vamos falar de outra varejista, que é a Target (TGT). Ela divulgou seu terceiro trimestre ontem também e bateram com facilidade as estimativas dos analistas. Suas ações encerraram o dia de ontem com uma alta de (+2,34%).

Já adiantando o que ela faz, ela é uma varejista de mercadorias em geral, oferece desde alimentos, até roupas e acessórios. Entregou uma receita de $22,6 bilhões, batendo as estimativas e com alta 21% no ano contra ano. O serviço de coleta nas calçadas dela cresceram mais de 500% e o seu serviço de entrega em domicílio (Shipt) cresceu quase 280% no trimestre também.

Outro ponto positivo, foi que a companhia comentou que conseguiu aumentar seu Market Share no setor, e não para por aí, ela comentou que foi em todas as suas principais categorias, de vestuário a produtos de beleza. As vendas online cresceram 155%, enquanto as vendas das mesmas lojas (SSS), aumentaram em 9,9%.

A companhia acabou se beneficiando por ser uma varejista geralzona e acabou sendo considerada um “serviço essencial” durante a pandemia. Uma vez que ela alimentos, livros, eletrônicos e itens essenciais para casa. Logo, ela conseguiu se beneficiar pelo grande porte dela, de ter quase 1900 lojas a disposição e funcionando durante uma das crises mais duras para muitas empresas.

Ela entregou um lucro por ação de $2,79 dólares, batendo o consenso com folga, que esperava $1,60 dólares e crescendo 100% no ano contra ano. A companhia comentou que está com a estratégia de longo prazo de abrir lojas em departamentos e shoppings que foram duramente atingidos pela pandemia. Pelo o seu tamanho e por conta dos departamentos e shoppings estarem amassados, ela consegue negociar melhor com eles. Ela pretende abrir versões menores da sua linha de beleza Ulta Beauty, com previsão de mais de 100 lojas para serem inauguradas no próximo ano.

Para quem não conhece a Target, como eu comentei antes, ela é uma varejista geral que vende diversos produtos. Fundada em 1902 e com sede em Minnesota. Ela emprega 368mil colaboradores e em 2019, entregou cerca de $78,1 bilhões em receitas anuais. Atualmente, o seu valor de mercado é de aproximadamente $83,5 bilhões. https://rb.gy/jhrjni

 NVIDIA (NVDA)

Por fim, vamos encerrar com uma companhia de tecnologia, que vende placas gráficas para computadores, a Nvidia (NVDA). A companhia apresentou seu terceiro trimestre de 2021 e bateu as estimativas dos analistas. Porém, suas ações praticamente não andaram encerrando o dia de ontem praticamente neutro com (+0,01%).

Ela disse que bateu recordes na receita e no lucro. Entregando $4,73 bilhões em receitas e batendo as estimativas com folga, sendo que sua receita cresceu 57% no ano contra ano. A Nvidia foi batante beneficiada pela pandemia também, já que seus produtos são comprados especificamente por desenvolvedores de jogos que precisam de mais poder gráfico, gamers que jogam jogos e companhias que usam inteligência artificial e precisam de mais processamento gráfico. Logo, ela não parou de vender e teve seus negócios intensificados.

O grande pulo do trimestre, foi o seu segmento de computação e rede (processador Tegra e serviços Shield), que cresceu 146% em relação ao ano anterior, para $1,94 bilhões. Já o segmento gráfico, cresceu 25% em relação ao ano anterior, para $2,79 bilhões. Durante o trimestre, a companhia anunciou seus novos produtos, incluindo sua nova placa gráfica RTX 3080, que foi colocado a venda em setembro e imediatamente ficou esgotado.

Para quem não sabe, ela adquiriu a Mellanox, uma aquisição que foi fechada no início deste ano e essa companhia já contribuiu com 13% da receita total da empresa e cerca de 1/3 da receita do segmento de data center (que é o segundo maior segmento da companhia, ficando atrás somente para Gaming).

Em setembro, a Nvidia disse que planejava comprar a ARM da SoftBank por US $ 40 bilhões, em um movimento visto como tendo implicações significativas para a indústria de semicondutores. A ARM desenvolve tecnologia amplamente utilizada em toda a indústria para desenvolver chips de baixo consumo de energia para dispositivos móveis e fornece tecnologia para a maioria dos concorrentes da Nvidia. A Nvidia disse na quarta-feira que esperava fechar a aquisição da ARM no primeiro trimestre de 2022. O maior case recente da ARM, foi a Apple começar a utilizar a tecnologia deles para desenvolver seu próprio processador e sair da longa parceria que eles tinham com a intel.

Para quem não conhece a Nvidia, ela é uma companhia que desenvolve placas gráficas e processadores para computadores e data centers. Fundada em 1993 e com sede na Califórnia. Ela emprega pouco mais de 13mil colaboradores e em 2019, entregou cerca de $10,9 bilhões em receitas anuais. Atualmente, o seu valor de mercado é de aproximadamente $331,4 bilhões. https://rb.gy/xk6zpg

 

Vou ficando por aqui pessoal, hoje tem sala de análise as 9:30 comigo. E as 10:15 com o Bo Williams, passando em vários gráficos. Quem quiser me seguir nas redes sociais, o meu instagram é @brenobonani e o twitter é @breno_bonani. E quem quiser seguir o William no twitter ou instagram é @willcastroalves. Por fim, desejo a todos um excelente dia e uma ótima terça-feira! Forte abraço!!

Era isso.
Aquele Abs.

Twitter: @willcastroalves
Instagram: @willcastroalves
Linkedin: William Castro Alves

Disclaimer: O conteúdo deste podcast é apenas para fins informativos, não serve como recomendação de compra ou venda de qualquer título na Avenue ou em qualquer outra conta. Ele também não é uma oferta ou venda de um título. Também não são relatórios de pesquisa e não servem como base para qualquer decisão de investimento. Todos os investimentos envolvem riscos e o desempenho passado não garante resultados ou retornos futuros.

Leave a Reply