Resultado Enauta(ENAT3) 1T19 – Resultado enaltecedor?

Geral

Estagflação: o maior pesadelo para economia global

11/10/2021

Geral

Quais são seus objetivos? Coloque em um papel!

04/10/2021

Geral

Ações baratas: 3 empresas para investir

13/09/2021

Geral

"Ibovespa Barato", 3 razões para acreditar nisso

13/09/2021

Geral

Fundos Imobiliários: Rendimento abaixo do esperado

06/09/2021

Geral

Mercado Internacional: Principais acontecimentos da semana

06/09/2021

9 comentarios

  • Cara, você pode disponibilizar a memória de cálculo pra que entenda como chegou ao p/e estimado de 2019. Estou querendo aprofundar a compreensão desse papel.

    Abraço e parabéns pelas análises!

    • Boa tarde Carlos! Então, eu projetei um crescimento de 60% para suas receitas e para o EBITDA e 40% de crescimento no Lucro Líquido (todos para esse ano). Pois, tudo indica que do 3T19-4T19 já vamos ver a companhia operando com o dobro de produção, o que impulsionara ainda mais suas receitas.

      Também analisei seu crescimento passado. De 2017 para 2018 a receita líquida cresceu 60% e isso sem ter o dobro da produção! Não obstante o EBITDAX cresceu 50% de 2017 para 2018 e o Lucro Líquido cresceu 83% nesse mesmo período. E isso já excluindo todos os efeitos não recorrentes que a empresa teve, como a venda do bloco BM-S-8. Tentei fazer uma análise mais cautelosa, poderia ter forçado a barra e colocado números maiores, alguns até estão em linha com o crescimento operacional da empresa hoje (sem a dobra de produção).

      Espero ter ajudado!

  • Ajudou demais, Breno!

    Com a duplicação da produção no 4T19 o lifting cost também vai cair, o que vai expandir ainda mais as margens. Eventuais descobertas, farm-ins e aquisições no pré-sal vão melhorar ainda mais as perspectivas. O hedge no dolar e preço de petróleo que eles fazem também ajuda a dar previsibilidade e reduzir o risco, mas mesmo que o preço do petróleo caia o case para em pé.

    Obrigado pela análise e bons negócios!

    Abraço!

  • Breno, gostei da análise.
    Porém, com os 3 poços ok, vai produzir entre 25 e 27k, e não entre 20-25k bpd.

    • Obrigado Claudio.

      Eu entendo, mas isso é estimativa da companhia… Pode vim a não se realizar. Dei uma estimativa minha, sei que pode ser para mais, mas pode ser para menos também…

  • Por enquanto não vi nada de lucrativo neste papel, a não ser conversa fiada. O dividendo que recebemos, evaporou-se. Quem teve lucro foram os especuladores, que falam maravilhas quando compram e depois falam horrores quando vendem, e a empresa vai junto com eles. As informações são sempre tardias e são dadas por pessoas que não fazem parte da diretoria ou do Conselho de Administração da empresa. Por que nunca vêm a público para dar explicações, deixam-nas ao sabor de outras pessoas estranhas e de má fé.

    • Mas e a perfuração do terceiro poço e a sonda que está consertado outros 2? Que vão fazer a produção dobrar. E os seus múltiplos amassados entregando resultados expressivos? E o Campo de Atlanta já cooperando com 1/3 das receitas do último resultado? O mercado é irracional no curto prazo.

  • Breno,

    EUA divulgou agora em maio um saldo de reserva de petróleo muito maior que o esperado. Mercado reagiu com queda do Brent, muitos analistas não veem drive para aumento no preço da cmdt no curto e médio prazo.

    Por mais que o case esteja bem atrativo, isso não te preocupa?

    Parabéns pelas análises!

    • Opa GCN! Muito obrigado primeiramente!!

      Não me preocupa, as oscilações do Brent ou do WTI fazem parte e não são o driver do case. O que vai aumentar o valor da companhia é a dobra de produção prevista para o 3T19 (no máx 4T19). Além disso, a companhia está investindo em outros projetos e de olho no pré-sal. Vejo com bom olhos a companhia e está negociando a múltiplos bem atraentes ainda.

Deixe uma resposta